quinta-feira, 18 de abril de 2013

O Quarto de Milha

Hoje vou retomar o assunto sobre pelagens equinas, mas  vou citar o Quarto de Milha como exemplo.
 A raça é hoje muldialmente famosa por sua adaptalidade e funcionalidade. Seja em provas de baliza, três tambores, velocidade,  hipismo rural, enduro ou apenas para sela.
Nome em inglês: Quarter Horse Origem: Séculos XVIII - XIX - Estados Unidos Temperamento: Linfático (warnblood) Pelagem: As básicas. Uso: Sela, lida, corridas e hipismo rural Influências: Produto de cruza do Mustang com o PSI, descende do Andaluz também, ou seja, possui sangue Berbere e Árabe em todas as suas origens. Altura: entre 1,50 e 1,60 m
O quarto de milha é o primeiro de todos os cavalos americanos de raça, é tido como "o mais popular do mundo". Mais de três milhões estão registrados na American Quarter Horse Association, fundada em Fort Worth em 1941. Usualmente é harmoniosamente troncudo, mesmo quando especializado em corridas. A cabeça é ampla com orelhas pequenas e focinho estreito e ganachas bastante largas. Não é recomendável que tenha a cernelha proeminente. Sua grande característica é a potência dos quartos traseiros, com glúteos fortemente desenvolvidos sobre a garupa. Esta raça foi desenvolvida pelos norte-americanos para a lida nos tempos da colonização e que se tornou excelente carreirista para distâncias curtas além da inteligência e destreza para provas funcionais. A origem do seu nome - Quarto de Milha - vem do fato dos vaqueiros, no término do seu trabalho, iam divertir-se sempre nas pequenas cidades e organizavam corridas de cavalo pelas ruas principais, que, naquele tempo, tinham em média dois quarteirões, isto é, uns 400 m  próprios para uma violenta explosão de velocidade, mas por pouca duração,sendo adequada ou para as corridas curtas ou para a agilidade e equilíbrio demonstrados em provas de balizas e tambores.